Saúde e Bem-Estar

Autismo Tem Cura, O Que É, Como Tratar?

Descubra Tudo Sobre O Assunto E Se O Autismo Tem Cura

autismo tem cura

Autismo Tem Cura

Autismo Tem Cura?

O Autismo é um transtorno que desafia a ciência e as suas causas ainda são pouco conhecidas. A genética tem um papel importante e os métodos de diagnóstico disponíveis hoje, permitem identificar um número maior de casos.

Infelizmente, em cada 100 crianças existe pelo menos 1 caso de autismo, deixando um questionamento do que se passa na cabeça dessas crianças e porquê são tão diferentes?

Algumas nem aprendem a falar, enquanto outras desenvolvem habilidades extraordinárias. Vamos conhecer mais um pouco sobre esse transtorno e se o autismo tem cura?

Mas afinal, o que Caracteriza o Autismo?

Será que o autismo tem cura?

O autismo é caracterizado hoje como um distúrbio no desenvolvimento, causado por fatores genéticos e ambientais. O autismo não é considerado apenas um, existem um conjunto de autismo que podem ser encontrados tanto em crianças nas escolas a pessoas no trabalho.

A característica fundamental dos autistas é o prejuízo na comunicação, na interação social, comportamento repetitivos sem muitos significados que os indivíduos ficam realizando sem uma finalidade muito clara.

Pessoas com autismo mostram atração por movimentos circulares e podem passar horas olhando para o giro de um objeto, como um cata-vento ou de um ventilador.

Sintomas de uma Criança Autista

autismo tem cura

  • Bebês que evitam o contato visual com a mãe, inclusive durante a amamentação
  • Choro ininterrupto
  • Apatia
  • Inquietação exacerbada
  • Pouca vontade para falar
  • Surdez aparente: a criança não atende aos chamados
  • Transtorno de linguagem, com repetição de palavras que ouve
  • Movimentos pendulares e repetitivos de tronco, mãos e cabeça
  • Ansiedade
  • Agressividade
  • Resistência a mudanças na rotina: recusa provar alimentos ou aceitar um novo brinquedo, por exemplo.
  • Esses são alguns dos sintomas que podem ser identificados em uma criança com autismo.

Como o Autista Organiza o Mundo que o Cerca?

Algumas famílias passam por dramas em querer saber se o autismo tem cura. Pode parecer diferente, mas o autista é um ser humano metódico que vive em um mundo onde as coisas não se modificam, como o acordar na mesma hora, vestir as mesmas roupas, tomar o mesmo café, no mesmo prato e na mesma xícara.

Isso pode causar estresse na família se a criança não passar por um tratamento desde pequeno.

No entanto, essas rotinas repetitivas podem causar desconforto se houver qualquer tipo de variação. Ele sente a necessidade de fazer tudo igual e intervir vai deixá-lo muito chateado.

Esse desconforto pode ocorrer também ao escolher uma roupa para vestir e ter desavenças a alguns determinados tipos de sons.

Para você pode ser algo super normal está em um lugar com muitas pessoas, falando, trocando olhares e conversando. Porém, ninguém se dá conta da complexidade dessas interações para os autistas que apresentam uma enorme dificuldade de relacionamento social.

O Que Acontece na Cabeça Deles?

autismo tem cura

No autismo, a rede de neurônios que coordena no cérebro a comunicação e os contatos sociais está organizada de uma forma muito diferente. Muita movimentação, falatórios e muitos olhares, provocam um curto circuito que deixam os autistas desorientados.

Essas formas inusitadas de organização podem criar habilidades especiais e surpreendentes, como o interesse pela matemática, tocar instrumentos e outros.

Porém, o autista pode ter dificuldades em compreender sutilezas de linguagens, como gestos, expressões e associações, por isso seja sempre claro ao falar com um autista.

O Autismo Tem Cura?

Agora você deve está se perguntando, o autismo tem cura ou não?

Não. O autismo ainda não tem cura. Apesar de existir muita gente no mundo pesquisando sobre drogas, remédios e intervenções que funcione para reconstruir os neurônios autísticos.

Não é como um remédio que tomamos para a gripe e logo melhora a infeção. O transtorno afeta células do cérebro a interatividade entre eles.

Como é Feito o Tratamento?

Sabemos que a intervenção precoce e o tratamento especializado com terapias comprovadas, elimina sintomas e deixa a criança com cada vez mais com menos características de autismo.

É possível realizar uma regressão de sintomas ao ponto de chegar em um nível, onde a criança não apresenta nenhuma característica de autismo. Quase não dá para perceber.

Procure sempre por tratamento cientificamente comprovado que realmente funciona e que são arquivados em dados.

A Verdadeira Cura Para o Autismo- Leo Akira

Akira é um youtuber autista que ensina a verdadeira cura para o autismo. O youtuber fala de vários pontos importantes para um adulto autista viver bem com o transtorno apesar das dificuldades que precisam enfrentar.

No início do vídeo, Akira diz que a primeira coisa para se curar do autismo é a aceitação. Aceitar que a integração vai ser diferente e que os autistas demoram mais absorver as coisas do mundo, do que as outras pessoas que estão acostumadas.

Ter autismo não é o fim do mundo. É possível ter uma vida totalmente boa e feliz.

Uma verdadeira lição de vida.

Autismo Tem Cura (Vídeo)

Gostou do artigo? Leia Também:

Autismo Tem Cura, O Que É, Como Tratar?
4 (80%) 1 vote

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.
Importante: Este site faz uso de cookies que podem conter informações de rastreamento sobre os visitantes.